27/07/2012

1973-1990

A ~ Asas cortadas: “Não podeis voar!”
R ~ Ruas fechadas: “Não podeis correr!”
P ~ Pode uma boca calar sem morrer?
I  ~ Ilhas se formam às ordens do ar:
L ~ “Lançai os livros, pro fogo o saber!”
L ~ Linhas, tecidos... Que podem dizer?
E ~ Estrelas sem luz ousaram brilhar;
R ~ Ruas fechadas não puderam conter -
A ~ Aves, sem asas, em coro a cantar:
S ~ “Silenciar é bem mais que morrer...”


(Acróstico às mulheres que
buscaram sua própria voz
quando seu país a perdeu.)
~
2° lugar no 2° Desafio Escrita Criativa
- Blog Concursos Literários
~
Vencedor, na categoria "Acróstico",
do Concurso Literário Trajes Poéticos 2013